4 dicas para manter uma vida saudável

[Wir Caetano / Dabliê Texto Imagem]

Algumas pessoas costumam dizer, de forma jocosa, que quem passou dos 50 anos de idade, “virou a serra”. A expressão traduz a ideia de que o tempo da vitalidade e dos planos de vida já se esgotaram. Grande engano! Nos dias de hoje, com o aumento da expectativa de vida e consolidação da cultura do bem-estar, sempre é tempo para viver bem. Para isso, é preciso ter uma rotina saudável. Quer saber como? Confira 4 dicas:

1 – Procure dormir bem para ter disposição e bom humor

Um bom sono desempenha papel significativo para uma vida saudável. É o que garante o Sleep Council. Essa organização britânica dá algumas dicas, e a primeira é manter limpo, bem-arrumado e calmo o seu quarto. O Sleep Council recomenda que celulares e dispositivos equivalentes fiquem longe da cama. Além do quarto, eis outros fatores que impactam o sono: estilo de vida, controle do estresse, dieta, exercícios, relaxamento. Mas desses itens falaremos nos três tópicos seguintes.

2 – Mantenha no dia a dia uma dieta balanceada e nutritiva

Incluir adequadamente, cortar com sensatez. Esses são os pilares de uma alimentação equilibrada e boa para o corpo. Para ajudar as pessoas a encontrar esse equilíbrio, desde os anos 1970 guias alimentares têm sido produzidos. Mas foi em 1992 que nasceu nos Estados Unidos a primeira Pirâmide Alimentar, gráfico em que os alimentos são divididos em grupos, organizados em níveis de acordo com seus nutrientes e funções.

No Brasil, representação gráfica equivalente surgiu em 1999. Já em 2006, o Ministério da Saúde lançou o “Guia Alimentar para a População Brasileira”, procurando adequar os parâmetros norte-americanos às características do país. Em 2014 foi lançada uma segunda edição , que valoriza também o ato de comer, o prazer da alimentação e a interação social.

3 – Rotina saudável não existe sem prática de exercícios físicos

Atividade física é indispensável em qualquer idade ou etapa da vida, mas, depois dos 40 ou 50 anos, é um dos itens centrais. Até porque, nessa fase, muitas pessoas já se encontram aposentadas e precisam estar atentas contra o mal do imobilismo. Procure frequentar uma academia. Mas, mesmo em casa, atitudes simples como fazer alongamentos contam bem. Segundo a Organização Mundial de Saúde, 30 minutos diários de exercícios físicos já fazem diferença.

4 – Convivência com amigos e boas experiências têm papel fundamental

Estar com uma boa companhia para bater um papo ou dar um passeio é sempre bom. Ainda que você tenha perdido contato com velhos amigos, reunir parentes agradáveis para um almoço melhora o fim de semana. Além disso, um salão de danças ou certos eventos culturais abrem possibilidades para novas amizades. E novos laços afetivos pavimentam o caminho para novas experiências. Quem sabe você encontra alguém bem-humorado para uma viagem que vinha sendo adiada.

[Wir Caetano / Dabliê Texto Imagem]
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s